Observatório diz que Portugal precisa desesperadamente de imigrantes para combater falta de mao de obra

November 21, 2018

Na opinião de Vítor Antunes, diretor executivo da Manpower, responsável pelo recrutamento para trabalho temporário, e uma das mais antigas a operar no mercado português nesta área, Portugal precisa "de mão de obra, em geral, e de talentos". Os perfis especializados, ou seja, eletricistas, soldadores, mecânicos, e os técnicos, como motoristas, engenheiros, informáticos, professores, pessoas para as áreas de apoio ao cliente, advogados e investigadores, gestores de projeto e alguns administrativos, são as classes profissionais com mais escassez de recursos humanos, relatou.

O 'ranking' dos perfis mais procurados, segundo o mesmo documento, é liderado pelos profissionais especializados e técnicos, motoristas e engenheiros. "São profissões que estão em constante mutação e cujo desempenho obriga a alguns conhecimentos técnicos e também tecnológicos", disse Vitor Antunes.

O empresário António Mota, dono da Mota-Engil, empresa com negócios em vários países no setor da construção, um dos afetados pela falta de mão de obra, prevê que se o desenvolvimento em Portugal continuar a verificar-se, o país vai "precisar de mão de obra semiespecializada e especializada". "Portugal precisa de muita mão de obra e precisa que regressem os seus quadros que emigraram", defendeu o empresário.

Para o setor da construção, "falta pessoal e está-se a importar mão de obra de várias origens", afirmou.

Segundo Pena Pires, “Portugal tem de ter outra política de entradas. Porque o país (...) precisa de imigração regular”. Fonte: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/

 

 

Please reload

Featured Posts

ENEM: Estude exterior usando a nota do Exame Nacional do Ensino Médio

November 21, 2018

1/3
Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Please reload

©2018 by Espigariol Sociedade de Advogados.